“Arma foi feita para matar”, declarou delegado ao entrar no bar

O programa “Manhã de Notícias”, da rede Tiradentes, exibiu nesta manhã o documento que foi assinado pelo delegado Gustavo Sotero ao entrar na casa noturna Porão do Alemão na madrugada deste sábado, dia 25, à 00h40. Cerca de duas horas e 20 minutos depois ele matava com quatro tiros o advogado Wilson Justo Filho, à … Continue lendo “Arma foi feita para matar”, declarou delegado ao entrar no bar